Enem 2017 pode ser transformado em uma Prova Digital

Atualizado em: 16.02.2017

by Enem 2017 on 24/03/2015

Enem 2017 pode ser transformado numa prova digital: O Exame Nacional do Ensino Médio – Enem 2017, prova feita por milhões de estudantes a cada ano para ingresso em universidades públicas e particulares, poderá ser transformado em um exame virtual a partir do ano de 2016. O ex-ministro da Educação, Cid Gomes, planejava apresentar à presidente Dilma Rousseff a criação de um sistema que permita a realização do Exame Nacional do Ensino Médio de forma remota, ou seja, um "Enem 2017 online".

Em entrevista à Folha de S.Paulo, o ministro afirmou também ter a intenção de dividir o Enem 2017 em dois dias, proposta apresentada por Fernando Haddad durante a sua gestão. Mas isso só seria possível com o sistema imaginado pelo novo ministro, que permitiria a aplicação de provas completamente diferentes a cada aluno simultaneamente, ao invés de um único modelo a todos, como é feito atualmente.

O ministro afirma que devemos trabalhar com a tecnologia para poder ter o Enem o tempo inteiro, toda hora, todo dia. Podemos ter diversos locais pelos país com computadores e salas seguras. As provas seriam aplicadas em locais previamente credenciados que contem com rede pública, como é o caso das universidades federais.

Banco de Questões do Enem 2017

Exame Nacional do Ensino Médio Enem 2017

Para isso será preciso termos um grande banco de questões. As questões, inclusive, seriam tornadas públicas para consulta prévia. Como haveria milhares delas, não existiria perigo de que os alunos decorem o que vai cair, afirmou Gomes.

Na visão do ministro, empossado no final de 2014, o primeiro passo para isso é fazer um grande edital público para professores apresentarem perguntas para tivermos um banco de questões com mais de 8 mil itens. Não precisa ter cuidado, pode ficar aberto para consulta pública. Pois, o aluno que conseguisse decorar todas poderia ser considerado um gênio.

"O Enem tem que contratar gráfica ultra especializada com 500 câmeras. Tem depois que contratar logística de segurança e distribuição. Depois aplicar tudo no mesmo dia, ter todos os cuidados com vazamento. Eu penso que é muito razoável evoluirmos para um sistema remoto, com salas seguras e vigiadas", disse o então ministro Cid Gomes.

Atualmente o Enem é realizado uma vez por ano com provas presenciais aplicadas em todo o país durante dois dias consecutivos. Em 2014 foram 8,7 milhões de inscritos ao preço de R$ 52 por aluno, o que dá mais de R$450 milhões por edição.

Para mais respostas sobre o Enem 2017 viste o site oficial http://enem.inep.gov.br/. Curta e compartilhe o Enem 2017 no Facebook.

Comentários

Comentários

thiago Ribeiro janeiro 12, 2016 às 08:23

Aguardo informações sobre o E nem 2017

Responder

Leave a Comment

Notícia anterior:

Próxima notícia: